04 de Novembro de 2009

De um lado para outro, de outro para um lado… é assim que ando!

A vaguear por caminhos minados de medo, quase nem se fala no nome daquela gente para não fazer tremer… eu não tremo, eu não penso nisso mas nota-se na cara de alguns, tremem e transpiram medo… debaixo da cor da minha boina ainda não vi um único receio, somos fortes de natureza!
Podemos temer, mas temam-nos também, tenho dito!

“Se fosse fácil estariam cá outros!” é uma frase usada no nosso dia-a-dia e está escrita numa parede, nas instalações da nossa escola mãe.

Para falar a verdade, sinto-me seguro… por saber o que sei e saber o que o meu pessoal sabe, têm experiencia neste grupo, não só aqui como em diversas situações, viemos de diferentes sítios, muita informação adquirida… mas o que os meus olhos vêem vai ficar na minha cabeça, por isso é que somos especiais.

Ontem, um policia afegão matou 5 ingleses… feriu mais algumas pessoas e pronto, é assim a vida por aqui… o dinheiro, o tráfico, o ópio, as leis, a religião, os estrangeiros, os locais… lembras-te do carrossel das primeiras mensagens do blogue? É outra vez algo significativamente parecido! É triste…

Sem comentários: