Novos dias...

Entramos em 2010, novos dias virão… o “mudar” vai ser umas das palavras mais utilizadas á minha volta!

Possivelmente, não será nada de novo porque para mim o mundo sempre girou e nada pára!

Para ficar surpreendido tem de ser mesmo algo fora do normal, é como, 2 + 2 = 4 (há quem diga 5, ex: um tal chefe cabeça “vermelha”), e na minha normalidade já vi muita gente surpreendida…


Vejo um horizonte brilhante, não sei se é para mim, mas que brilha brilha! De repente, em vez de olhar para 6 quilómetros, passei a olhar só para um! Cheira a dia de São Valentim com Entrudo á mistura! Oiço música animada na minha cabeça quando durmo, vejo muralhas de um castelo usado numa guerra contra franceses! As linhas mais conhecidas de Portugal, a seguir às linhas da Soraia Chaves.

Ainda sem ticket, mas já no sítio da saída, espero pela próxima vez com ansiedade… “respiro fundo e lembro-me da força” e passa…

Trabalhar desde cedo, treinar e deitar tarde são coisas incompatíveis, sim ou sopas! Mas que posso fazer eu? Se os dias tivessem 30 horas dava para fazer tudo, mas também as esperas seriam maiores! Deixa estar como está, alguma tranquilidade e não ser refilão são virtudes em casos destes, mas como português que sou, não sei se aguento sem mandar alguém á fava nestes dias de fome matinal..

“Quem sai para o mar, avia-se em terra!” dizia muitas vezes a minha mãe a alertar-me, para abrir a pestana antes da tempestade, nesta juventude minha, espero crescer todos os dias mais um bocado durante muitos e longos anos!


Por falar em anos, PARABÈNS MANO, 4 de Janeiro é o teu dia, eu sei e nunca me esquecerei… por mais estranho que seja, nunca sei datas de nada nem de ninguém!

Queria dar-te um abraço mas fico só pela intenção, talvez daqui a uns dias… não me perguntes quantos!

Lembras-te desta foto?

E pronto, novos dias virão…

Sem comentários: