Relatório de sondagem: Afeganistão

«O International Council on Security and Development (ICOS) divulgou um relatório sobre uma sondagem feita nas províncias de Kandahar e Helmand. Claramente pretendia-se saber se a população das áreas onde tem lugar os maiores combates em território afegão, concordavam com o início da saída da NATO no Verão de 2011.

O resultado não podia ser mais surpreendente, ou seja, a maioria dos afegãos não sabe sequer porque é que a NATO está nos seus territórios!

O relatório é explícito: mais de 90% dos entrevistados nunca ouviram falar dos atentados de 11 de Setembro em Nova Iorque, nem sabe porque é que a ISAF - NATO está aqui. Por isso as explicações encontradas pelos afegãos são várias: 40% acham que os estrangeiros estão no Afeganistão para ocupar o país, para o destruir e também para acabar com o Islão nesta terra.

A maioria dos afegãos que foi ouvida neste estudo, no sul do Afeganistão, não sabe o que é democracia e desconfia totalmente destas movimentações de ocidentais pelas suas terras. 70% acham que os estrangeiros não respeitam as tradições e a religião local, 65% acham que a NATO mata mais civis do que os talibã.

Para este estudo, revelado após a Cimeira de Lisboa, foram entrevistados 1500 homens afegãos em Outubro.

É claro que os mesmos homens dão todo o apoio à saída da NATO ...! »

(Cândida Pinto e Jorge Pelicano são enviados especiais da SIC ao Afeganistão)


EU: Pois, agora está explicado alguns pontos do problema naquelas terras.
Impressionante...

Sem comentários: