ordem do dia: assuntos de Justiça

Até quando deixaremos?

Sem comentários: