vergonha FCP , sentimento português

Quero dizer aqui, lembrando que não importa a cor pela qual eu sofro porque não sofro, que sinto vergonha. E sinto vergonha não é das derrotas sofridas, nem nas vitórias com sorte, o que quero deixar aqui bem claro é que sinto vergonha de ser de um país em que existe um clube chamado Futebol Clube do Porto,  sendo a maior máfia nacional existente e só não vê quem não quer!
Sem culpar quem se esforça para conseguir glórias à custa de suor, digo que eu não admitiria uma coligação do meu nome a este clube, nem algum tipo de beneficência ou patrocínio.
Pergunto eu, como é possível haver adeptos desse clube a festejar vitórias encomendadas, vitórias de pressão e ameaça em que tudo vale para chegar ao objectivo?
Como é possível receberem medalhas? Serem recebidos na Assembleia? Etc...
Só não vê quem não quer... não há desculpa!
Até nos pequenos juvenis o ódio está implantado ...

Sem comentários: